Conceitos e hierarquias do SCCM


Antes de começarmos a trabalhar com a ferramenta, precisamos entender alguns conceitos e saber como a funciona a sua hierarquia.
A hierarquia do SCCM gira em torno do conceito de sites. Um site nada mais é que um local de rede com recursos gerenciados, e desta forma, os clientes nesta hierarquia consultarão o site em busca de políticas e patches apropriados para o seu sistema operacional.

Existem 3 tipos de sites no SCCM:

Site Primário: Ele fornece a funcionalidade principal do SCCM. O site primário gerencia os clientes atribuídos a ele e executa o processamento dos dados dos clientes. Suporta até 100.000 clientes e pode ter sites secundários. Você deve ter pelo menos um site primário em toda a sua hierarquia.

Site Secundário: Um site secundário, como o próprio nome já diz, é um site filho de um site prímário e é usado geralmente para o gerenciamento de clientes em unidades remotas e com links lentos. Suporta e gerencia até 5000 clientes e os dados atribuídos a ele.

Central de administração de site – Uma central de administração de site é necessário se você precisou instalar múltiplos sites primários e deseja ter um gerenciamento mais centralizado de todos os seus sites e objetos. Suporta até 25 sites primários como sites filhos e a hierarquia pode conter até 400,000 clientes. Não é possivel atribuir clientes a ele visto que o seu objetivo principal é o gerenciamento dos dados de todos os sites.

A imagem abaixo resume bem a hierarquia do System Center Configuration Manager.

sitessccm

Em Resumo, o System Center Configuration Manager pode-se adaptar á qualquer infraestrutura de pequeno, médio e grande porte. Porém é necessário planejar o site ou a hierarquia antes de instalar qualquer site do Configuration Manager.

No próximo post, iremos demonstrar passo-a-passo a instalação do System Center Configuration Manager.